Please use this identifier to cite or link to this item: http://bibliotecadigital.economia.gov.br/handle/123456789/525892
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributorKupfer, David-
dc.creatorCarvalho, Laura Barbosa de-
dc.date.accessioned2015-02-23T21:45:32Z-
dc.date.accessioned2018-03-19T19:25:29Z-
dc.date.accessioned2022-05-12T03:31:51Z-
dc.date.available2015-02-23T21:45:32Z-
dc.date.available2018-03-19T19:25:29Z-
dc.date.available2022-05-12T03:31:51Z-
dc.date.created2015-02-23T21:45:32Z-
dc.date.created2018-03-19T19:25:29Z-
dc.date.issued2010-
dc.identifierCARVALHO, Laura Barbosa de. Diversificação ou especialização: uma análise do processo de mudança estrutural da indústria brasileira nas últimas décadas. Rio de Janeiro: Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social, 2010. 170 p. (Prêmio BNDES de Economia) ISBN 9788587545350-
dc.identifier9788587545350-
dc.identifierhttp://web.bndes.gov.br/bib/jspui/handle/1408/3663-
dc.identifier.urihttp://bibliotecadigital.economia.gov.br/handle/123456789/525892-
dc.description.abstractTendo por base o estudo de Imbs e Wacziarg (2003), no qual os autores encontraram um padrão em U para a trajetória de especialização da estrutura industrial de um grupo de países, este trabalho buscou, em primeiro lugar, determinar a trajetória de mudança estrutural que vem sendo percorrida pela indústria brasileira nas últimas décadas, para compará-la com o padrão encontrado pelos autores e com a trajetória de alguns países selecionados. A realização de um trabalho empírico baseado em regressões locais não paramétricas, correlacionando graus de especialização-diversificação estrutural com níveis de renda per capita de diversos países, levou à obtenção de curvas suaves com formato em U para quase todos os países estudados, inclusive o Brasil. Porém, a comparação das trajetórias de especialização seguidas por países como Estados Unidos, Japão, Reino Unido, Coreia do Sul e Taiwan evidencia que a transição estrutural em direção à especialização na indústria brasileira se deu em níveis de renda per capita relativamente inferiores aos verificados nesses países. Além disso, uma análise, no tempo, da estrutura industrial brasileira em termos de valor adicionado indica que foi um processo iniciado na primeira metade da década de 1990 e aprofundado nos anos 2000, com o ganho de peso de alguns setores de menor intensidade tecnológica que já respondiam por uma parcela elevada do produto industrial. Finalmente, com base em três recortes temporais (1985-1990, 1990-1996 e 1996-2004), o estudo realiza uma análise de decomposição estrutural do valor adicionado e do emprego a partir das matrizes de insumo-produto brasileiras e conclui que não foi um fator único que norteou essa trajetória de mudança estrutural da indústria brasileira nas últimas décadas. Ao contrário, a falta de dinamismo da demanda doméstica e o processo de abertura comercial parecem ter gerado conjuntamente esse resultado.-
dc.languagept_BR-
dc.publisherBanco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social-
dc.relationPrêmio BNDES de Economia;(31. : 2010)-
dc.subjectIndústrias - Brasil-
dc.subjectOrganização industrial (Teoria econômica)-
dc.subjectDesenvolvimento econômico-
dc.subjectConcentração industrial - Brasil-
dc.subjectEconomia - Teses-
dc.subjectIndustries - Brazil-
dc.subjectIndustrial planning-
dc.subjectEconomic development-
dc.subjectIndustrial concentration - Brazil-
dc.subjectEconomics - Dissertations, Academic-
dc.titleDiversificação ou especialização: uma análise do processo de mudança estrutural da indústria brasileira nas últimas décadas-
dc.typeLivro-
Appears in Collections:Produção BNDES - Prêmio BNDES de Economia

Files in This Item:
There are no files associated with this item.


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.