Please use this identifier to cite or link to this item: http://bibliotecadigital.economia.gov.br/handle/123456789/524918
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorMiranda, Luciana de Oliveira-
dc.creatorCalmon, Paulo Du Pin-
dc.date.accessioned2018-01-10T19:02:04Z-
dc.date.accessioned2021-11-27T03:41:35Z-
dc.date.available2018-01-10T19:02:04Z-
dc.date.available2021-11-27T03:41:35Z-
dc.date.created2018-01-10T19:02:04Z-
dc.date.issued2017-06-
dc.identifierhttp://repositorio.enap.gov.br/handle/1/3086-
dc.identifier.urihttp://bibliotecadigital.economia.gov.br/handle/123456789/524918-
dc.description.abstractEste artigo discute como ocorreram os processos e mecanismos de mudança institucional na institucionalização de ouvidorias públicas, da sua criação até o ano de 2013. A pesquisa foi desenvolvida com estudos de caso na Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq) e na Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT). A coleta de dados foi feita em três fases: pesquisa bibliográfica, documental e entrevistas. A análise dos dados fundamentou-se na análise documental, dado o grande volume de documentos oficiais e das entrevistas transformadas em texto, e análise de conteúdo. O modelo analítico utilizado inclui uma proposta inédita de utilização da Teoria da Mudança Institucional na análise dos processos de institucionalização. O modelo proposto permitiu observar evidências de ações de criação e desmantelamento de instituições nas respectivas ouvidorias. De fato, observou-se que uma mesma lei de criação das agências não influiu para que ambas fossem institucionalizadas da mesma maneira. Tem maior influência o desempenho de empreendedores institucionais quando encaram ante si um espaço de negociação para reinterpretação das regras atuais definidas pelos governos criadores dessas organizações.-
dc.languageIdioma::Português:portuguese:pt-
dc.publisherEscola Nacional de Administração Pública (Enap)-
dc.rightsEscola Nacional de Administração Pública (Enap)-
dc.rightsTermo::Creative Commons - Uso Não Comercial (by-nc): Esta licença permite que outros remixem, adaptem, e criem obras derivadas sobre a obra licenciada, sendo vedado o uso com fins comerciais. As novas obras devem conter menção ao autor nos créditos e também não podem ser usadas com fins comerciais, porém as obras derivadas não precisam ser licenciadas sob os mesmos termos desta licença. Fonte: http://creativecommons.org.br/as-licencas/-
dc.sourcehttps://revista.enap.gov.br/index.php/RSP/article/view/1222-
dc.subjectouvidoria pública-
dc.subjectinstitucionalização-
dc.subjectmudança organizacional-
dc.subjectestudo de caso-
dc.titleAgências irmãs? Semelhanças e diferenças na institucionalização via mudança institucional das ouvidorias da ANTT e da ANTAQ-
dc.typeArtigo-
Appears in Collections:Revista do Serviço Público: de 2011 a 2020

Files in This Item:
There are no files associated with this item.


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.