Please use this identifier to cite or link to this item: http://bibliotecadigital.economia.gov.br/handle/123456789/524246
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.creatorEscola de Administração Fazendária (Esaf)-
dc.date.accessioned2020-01-10T21:01:36Z-
dc.date.accessioned2021-11-26T03:30:36Z-
dc.date.available2020-01-10T21:01:36Z-
dc.date.available2021-11-26T03:30:36Z-
dc.date.created2020-01-10T21:01:36Z-
dc.date.issued2010-06-
dc.identifierhttp://repositorio.enap.gov.br/handle/1/4760-
dc.identifier.urihttp://bibliotecadigital.economia.gov.br/handle/123456789/524246-
dc.description.abstractA Escola de Administração Fazendária (ESAF) tem por missão desenvolver pessoas para o aperfeiçoamento da gestão das finanças públicas e a promoção da cidadania. Inserida na estrutura organizacional do Ministério da Fazenda e responsável pela formação de seus quadros, a ESAF promove estudos sobre a política fiscal, contribuindo para que a produção do conhecimento fazendário seja orientada por elementos teórico-metodológicos. Nesse contexto, a ESAF apresenta este relatório como resultado da Pesquisa de Percepção, junto aos indivíduos, sobre a Política Fiscal Brasileira. Concebida1 no âmbito do Observatório de Política Fiscal2 , esta Pesquisa reúne informação útil a servidores públicos fazendários, além de estudantes, professores e pesquisadores em geral. Com ela a ESAF buscou identificar o nível de conhecimento dos cidadãos sobre a política fiscal, bem como captar a percepção dos indivíduos quanto às responsabilidades dos órgãos do Estado, pois estes são fatores relevantes para a formação profissional dos agentes públicos e para o êxito das políticas e ações que venham a dirigir em seus respectivos órgãos. Após a definição do questionário pela ESAF e o devido processo licitatório, a Pesquisa foi realizada pela empresa Foco Opinião e Mercado, de Florianópolis/SC, entre os dias 12 e 29 de abril de 2010. Vale ressaltar que a empresa Foco cumpriu com os requisitos para a contratação e comprovou experiência em pesquisas de opinião. Foram efetuadas 2016 entrevistas em 336 municípios do território nacional. Ressalte-se que este relatório tem por objetivo, simplesmente, apresentar os resultados da pesquisa, sem aprofundar a análise ou realizar simulações. Mesmo assim, constitui rica fonte de informações para inferências e novas pesquisas, abrindo espaço para futuros trabalhos, abordando o comportamento, as atitudes e as opiniões do povo brasileiro sobre o tema.-
dc.languageIdioma::Português:portuguese:pt-
dc.publisherObservatório de Política Fiscal-
dc.rightsEscola Nacional de Administração Pública (Enap)-
dc.rightsTermo::Licença Padrão ENAP: É permitida a reprodução e a exibição para uso educacional ou informativo, desde que respeitado o crédito ao autor original e citada a fonte (http://www.enap.gov.br). Permitida a inclusão da obra em Repositórios ou Portais de Acesso Aberto, desde que fique claro para os usuários esses “termos de uso” e quem é o detentor dos direitos autorais, a Escola Nacional de Administração Pública (ENAP). Proibido o uso comercial. Permitida a criação de obras derivadas, desde que respeitado o crédito ao autor original. Essa licença é compatível com a Licença Creative Commons (by-nc-sa).-
dc.subjectpolítica fiscal-
dc.subjectgestão fazendária-
dc.subjectgasto público-
dc.subjectcontrole social-
dc.subjectcidadania-
dc.subjectimposto-
dc.titlePesquisa de Percepção da Política Fiscal Brasileira-
dc.typePesquisa-
dc.typeRelatório-
Appears in Collections:Boletim do Observatório de Política Fiscal - Esaf

Files in This Item:
There are no files associated with this item.


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.